quarta-feira, 10 de junho de 2009

PRECISO DESSE AMOR


Preciso de você para amar!
Não um amor possessivo, egoísta, aprisionador.
Mas um amor intenso e verdadeiro
Que renasça a cada amanhecer
Nos gestos, nas ações, mas que nas palavras...

Preciso de você para me entregar de corpo e alma
Sem reservas ou barreiras
Sem limites ou fronteiras
Numa plenitude serena...
Numa totalidade de amar!
Não busco o amor perfeito
Dos filmes ou contos-de-fada
Mas o amor verdadeiro, mais certeiro, mais pungente
Que se possa recriar.

Preciso desse amor para viver...
Para amenizar a dor,
Para enfrentar a angústia do sofrer
E ser capaz de superar frustrações
do "não-ser", do "não-ter",
Mas ser feliz enquanto crer
Que este amor é maior que tudo!

Preciso de você para que me ensine a amar...
Que desperte meus sentidos
Num olhar, num sorriso, num bilhete,
Numa palavra proferida de repente!
E que esteja mais perto do meu coração
e do meu corpo...
Mais dentro do meu ser e da minha mente.

Preciso desse amor
Para não morrer de tédio
Preciso desse amor para não ficar mais louco...
Preciso deste amor para não morrer tão cedo...

Por Mathias Gonzalez

2 comentários:

Ademar Oliveira de Lima disse...

Estive por aqui conhecendo o seu blog!! Abraços Ademar!!!

SONHO INFINITO disse...

OBRIGADA PELO CARINHO,VOLTE SEMPRE QUE QUISER...BJOS